Volume
Rádio Offline
Unidade Básica de Saúde Mariani terá o horário de funcionamento ampliado até o fim do ano
21/08/2019 20:19 em Bairros

A Unidade Básica de Saúde (UBS) Mariani passará a funcionar das 7h30 às 21h, em vez de 16h30 como é atualmente. A ampliação do horário de atendimento será possível graças à adesão da Secretaria Municipal da Saúde (SMS) ao programa Saúde na Hora, lançado pelo governo federal em maio. A iniciativa também permitirá aumentar a oferta de atendimentos nas UBS’s Esplanada, Reolon e Vila Ipê, que já funcionam neste horário diferenciado.

 

Adriane Borella, diretora da Atenção Básica, informa que a portaria de homologação da adesão de Caxias do Sul ao programa foi publicada na última sexta-feira (16/08). Agora, a SMS tem prazo de quatro meses para implementar as melhorias nas unidades contempladas.

 

A UBS Mariani é referência para uma população de 11,4 mil pessoas. Fica localizada em uma região de vulnerabilidade social. Até o fim do ano, esses usuários terão mais quatro horas e meia por dia para acessar os serviços da unidade, que hoje funciona das 7h30 às 16h30 e passará a atender até às 21h. No Esplanada, Reolon e Vila Ipê, que já contam com horário estendido, o diferencial será o maior número de atendimentos nos turnos vespertino e noite, comparativamente à oferta atual”, esclarece a diretora.

 

O prefeito Daniel Guerra comemora a aprovação do Município no programa. “Esta é mais uma ação de fortalecimento da rede básica, um compromisso assumido por nossa administração e que se concretiza. Também é resultado das articulações junto ao Ministério da Saúde, feitas durante as viagens do nosso governo a Brasília”, afirma.

 

O secretário municipal da Saúde, Júlio César Freitas, observa que o benefício da adesão ao programa supera o limites da rede básica. “Além de qualificar o atendimento aos usuários em seus territórios, ajuda a reduzir a demanda de pacientes de baixo risco nos serviços de urgência e emergência, melhorando também este outro nível da assistência à saúde”, diz.

 

A diretora Adriane explica que as UBS’s selecionadas são as que atendem aos critérios do Ministério da Saúde. Entre diversos requisitos, a portaria determina, por exemplo, que as unidades tenham pelo menos três equipes de Estratégia Saúde Família (ESF). Além disso, estabelece o mínimo de 12 horas diárias e ininterruptas de funcionamento, de segunda a sexta-feira. Este critério é superado pelo município, já que as UBS’s de horário estendido atuam por mais de 13 horas diárias (7h30 às 21h).

 

Com a adesão ao Saúde na Hora, o incentivo repassado a Caxias do Sul pelo governo federal passa de R$ 7,1 mil para R$ 10,6 mil mensal por equipe de ESF atuante nas unidades contempladas. O benefício relativo às equipes de Saúde Bucal aumenta de R$ 2,2 mil para R$ 4,4 mil por mês.

 

Esplanada, Mariani e Vila Ipê têm três equipes de ESF e duas de odontologia inseridas no novo programa. Já a UBS Reolon foi cadastrada apenas com três equipes de ESF. Apesar de a unidade contar com uma equipe de Saúde Bucal para atendimento à população, não terá aumento deste incentivo porque a União exige duas equipes para isso.

 

Além disso, as unidade com ESF e Saúde Bucal devem receber uma parcela única de R$ 31,7 mil para fins de apoio à implantação do programa. Para a UBS cadastrada apenas com as equipes de ESF o valor desta parcela é de R$ 22,8 mil.

 

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!
SHR