GERENTE DA ASSOCIAÇÃO CRIANÇA FELIZ REIVINDICA ISENÇÃO DA TARIFA DE ÁGUA PARA INSTITUIÇÃO

Representante da Associação Criança Feliz (ACF) reivindicou, durante a plenária desta quinta-feira (1º/02), a continuidade da isenção da tarifa de água para a instituição. A gerente da entidade, Cibele da Rosa, fez seu pronunciamento da tribuna do Parlamento caxiense por meio de espaço cedido através de acordo de lideranças. Conforme ela, a ACF recebeu do Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto (Samae), no mês passado, uma notificação, informando que a isenção será cancelada e retroativos serão cobrados.

Cibele informa que a Associação é sem fins lucrativos e atua na cidade há 22 anos em atendimento a crianças e adolescentes em vulnerabilidade social e na busca de redução da violência. “Hoje, atendemos 230 crianças no Serviço de Convivência, com atividades de arte, cultura e inclusão digital. Se tivermos que pagar a tarifa mensal de água, poderá haver diminuição desse atendimento. Nossa entidade é filantrópica. Cerca de 60% dos recursos vêm de doações, jantares e almoços beneficentes, e os outros 40%, de parcerias com o poder público”, relata.

A gerente acredita que a isenção da tarifa de água vem desde 2000 e que prefeitos anteriores sempre a concederam por compreenderem a relevância do serviço prestado à população pela entidade, situada na zona Norte de Caxias, no bairro Fátima Baixo.

“Precisamos que vocês nos apoiem (vereadores e comunidade) e se solidarizem conosco e com nossas crianças. São 13 bairros da região Norte contemplados com os serviços que prestamos e estamos com toda a documentação atualizada. Por isso, receber essa notificação do Samae deixa a entidade desmotivada”, afirmou a dirigente.

11

Foto: Crédito: Vitória Bordin