CMI ABORDA MÊS DO IDOSO NA TRIBUNA

Alusivo ao idoso, o mês de outubro foi assunto na sessão desta quarta-feira (11/10/17) na Câmara Municipal. O assessor do Fundo Municipal do Idoso José Vargas ocupou a tribuna do Legislativo, em cedência de espaço por acordo de lideranças de bancadas partidárias, para divulgar ações promovidas.

José Vargas representou a presidente do Conselho Municipal do Idoso (CMI), Franciele Roso, que não pôde estar na sessão ordinária. Vargas ressaltou que as atividades se iniciaram com uma missa no Lar São Francisco de Assis, ainda no fim de setembro. A abertura oficial da programação se deu no 3º Seminário da Pessoa Idosa, em 2 de outubro, no teatro do SESC, que contou com a participação de mais de 200 idosos.

O assessor chamou a atenção para a campanha “Golpe financeiro, abuso com os idosos e aposentados: denuncie!”, lançada no dia 6, no anfiteatro da Câmara Municipal. O objetivo é alertar sobre os golpes de empréstimos consignados, ofertas abusivas e vazamento de dados pessoais de idosos. Segundo ele, é preciso identificar os golpistas e punir na forma da lei.

O problema não são somente as abordagens nas ruas, por exemplo, mas os call centers que aplicam golpes financeiros em idosos, explicou Vargas. O assessor se emocionou ao falar da situação e descrever a abordagem realizada por quem aplica o golpe. “Imagine um call center tirando quatro a cinco mil reais de um idoso. Então, multiplique isso pelo número de call centers golpistas que devem existir, sem contar a venda de dados.”

A campanha é da Prefeitura de Caxias do Sul, por meio do Conselho Municipal do Idoso e do Procon, com a participação da Polícia Civil e Ministério Público Estadual e Federal. Vargas deixou um apelo para que os prejudicados ajudem, anotando os dados de eventuais ligações recebidas e denunciando os golpes. Além disso, ressaltou que pessoas físicas e jurídicas podem colaborar com o Fundo Municipal do Idoso por meio do site www.fmi.fas.caxias.rs.gov.br. O Fundo mantém oito projetos e atende diretamente 350 idosos de várias instituições.

O Procon Caxias do Sul contará neste mês com um guichê especial para atender denúncias e passar informações sobre o assunto. Para saber como proceder, pode-se entrar em contato pelo número 151, das 10h às 15h.

1