JUVENTUDE VOLTA PARA O G 4 DA SÉRIE B

O alviverde foi para cima do tigre e logo no primeiro minuto, Lucas lançou João Paulo, que dividiu com o goleiro. No rebote, Leilson tentou por cobertura, para fora.

Aos 10 minutos, Pará lançou Wesley Natã, que passou pela marcação em direção a linha de fundo e cruzou rasteiro, para trás. João Paulo tentou, foi ao chão e, no rebote, da entrada da área, Lucas apareceu para soltar o pé direito. 0 x 1.

Com a vantagem no placar, o Verdão seguiu atacando. Aos 16, Leilson apareceu pela direita após excelente troca de passes e cruzou para Natã, que cabeceou no canto, para defesa complicada do goleiro. Passada a pressão alviverde, foi a vez de Matheus aparecer bem em chute de Silvinho e cabeceio de Edson Borges.

A segunda etapa voltou a ser extremamente movimentada, e o time de Dal Pozzo seguiu com ímpeto ofensivo. Com 30 segundos, Lucas recebeu na entrada da área e chutou colocado, de canhota, tirando tinta da trave. Aos 6, Yago invadiu a área e foi derrubado, mas o árbitro mandou seguir o lance. Superior em campo, o Juventude ia contendo bem as jogadas ofensivas do Criciúma, principalmente nas bolas alçadas na área. Até que, aos 18, Alex Maranhão cruzou e Lucão apareceu para empatar. 1 x 1.

Com o placar igualado, o time da casa tentou pressionar, mas o Juventude mostrou maturidade e soube administrar o momento da partida. Por isso, o time alviverde não abdicou do ataque e seguiu em busca da vitória. Aos 36, Yago invadiu a área a dribles, foi agarrado em lance claro de pênalti e, ainda assim, conseguiu finalizar duas vezes. Nas duas, a zaga afastou sobre a linha. No rebote, Lucas recebeu dentro da grande área, pela esquerda, conduziu e chutou colocado, cruzado, no canto esquerdo do goleiro Luis. 1 x 2, para festa da torcida Jaconera presente no Heriberto Hülse.

Daí em diante, o Juventude não só administrou o placar, como teve três chances para ampliar, com Caprini e Mateus Santana, duas vezes. Mas o resultado já estava definido.

bandera[1]

O próximo desafio do Verdão na Série B volta a ser no Jaconi. No dia 22, o Juventude encara o Boa Esporte, às 19h15min.